• Ócio, jogo e brincadeira

    aprendizagens e mediação intercultural

  • 8ª Conferência de MIIS

    Mediação Intercultural e Intervenção Social

Envio de texto final

até 1 de novembro

Tarifa reduzida

até 1 de Outubro

Local

online

Data

27-28 novembro 2020

Ócio, Jogo e Brincadeira

A 8.ª conferência de Mediação Intercultural e Intervenção Social, a realizar online nos dias 27 e 28 de novembro de 2020, tem por tema Ócio, Jogo e Brincadeira: aprendizagens e mediação intercultural.

continuar a ler

Toda a conferência decorrerá online

Normas para entrega do texto final (até 1 de novembro de 2020) a publicar no livro de atas (digital) em dezembro de 2020.

Oradores Convidados

Carlos Neto

Universidade de Lisboa

 

Carlos Neto

Universidade de Lisboa

Carlos Alberto Ferreira Neto é Professor Catedrático na Faculdade de Motricidade Humana (FMH) da Universidade de Lisboa (UL). É atualmente Presidente da Casa da Praia-Centro Doutor João dos Santos. Foi membro efetivo do Conselho Geral da Universidade de Lisboa (2015-2017). Presidente da FMH (Janeiro de 2010 a Julho de2014), faz atualmente parte do Departamento de Desporto e Saúde e do Laboratório de Comportamento Motor. 

Instrutor de Educação Física pela Escola de Educação Física de Lisboa (1971); Licenciado em Educação Física (1975) pelo Instituto Nacional de Educação Física, foi professor no Instituto Superior de Educação Física (1976 até 1984) e é atualmente docente da Faculdade de Motricidade Humana desde 1985. 
Leciona as disciplinas de Desenvolvimento Motor nos diferentes cursos de licenciatura de Ciências do Desporto, da disciplina de Observação do Desenvolvimento Infantil na Licenciatura em Reabilitação Psicomotora e da Disciplina de Educação Física I no Mestrado em Ensino da Educação Física. É coordenador do Mestrado em Desenvolvimento da Criança. 

Desempenhou ainda vários cargos de gestão no ISEF e FMH: Vice-presidente do Conselho Diretivo; Presidente do Conselho Pedagógico; Presidente do Conselho Científico (2 mandatos); Presidente da Assembleia de Representantes (3 mandatos) e Presidente do Laboratório de Desenvolvimento e Adaptação Motora e Presidente do Departamento de Ciências da Motricidade.

Foi fundador da Sociedade de Educação Física, membro de diversas revistas científicas e tem publicado vários trabalhos em revistas científicas, capítulos de livros e participado em diversos seminários, congressos e ações de formação sobre Educação Física e Desporto, desenvolvimento motor e ensino da educação física nos primeiros níveis de escolaridade e jogo e desenvolvimento da criança.

As principais linhas de investigação situam-se no estudo do desenvolvimento de habilidades motoras e efeitos de situações de ensino (1); jogo e desenvolvimento da criança (2); rotinas de vida e independência de mobilidade em crianças e jovens (3) e “Bullying” nos recreios escolares (recess).

Foi membro do Conselho Coordenador do Instituto de Apoio à Criança, tendo participado na criação e coordenação do Grupo de Actividade Lúdica. Foi fundador e presidente da Sociedade Internacional para Estudos da Criança (SIEC), e é representante Português da “International Play Association (IPA).  Organizou em Lisboa (1999) a “XIV IPA World Conference” (Play and Community), em 1997 o “20th International Congress ” (Play and Society) do ICCP (International Council of Children´s Play) e em 2008 a 4th International Conference of Violence in School.

Entre 1998-2003 foi coordenador da equipa de Lisboa (FMH) do projeto internacional, “TMR Network Project – Nature and Prevention of Bullying: the causes and nature of bullying and social exclusion in schools, and ways of preventing them”. 
É autor dos livros “Jogo e Desenvolvimento da Criança”, “Motricidade e Jogo na Infância”, Tópicos em desenvolvimento na Infância e adolescência” e “Brincar em Cascais”.
 

M. Belén Caballo Villar

Universidade de Santiago de Compostela

 

M. Belén Caballo Villar

Universidade de Santiago de Compostela

M. Belén Caballlo Villar é Doutora en Ciencias da Educación pola Universidade de Santiago de Compostela, con premio extraordinario de doutoramento (1997). Desde 1996 formo parte do cadro docente e investigador do Departamento de Pedagoxía e Didáctica da Universidade de Santiago, na que son Profesora Titular de Pedagoxía Social desde o ano 2003. Actualmente concentro a docencia no Grao en Educación Social e no Máster Universitario de Investigación en educación, diversidade cultural e desenvolvemento comunitario.
Son membro inicial do Grupo de Investigación en Pedagoxía Social e Educación Ambiental (SEPA-interea, GI-1447 de la USC) -constituído en 1999- e continúo desenvolvendo o  meu labor no marco deste equipo, recoñecido pola Xunta de Galicia como Grupo de Referencia Competitiva no Sistema Universitario Galego.
Ata o momento, participei no equipo investigador de case 30 proxectos (competitivos de carácter autonómico, estatal e internacional) e/ou contratos de investigación, asumindo a condición de IP en varias ocasións. Na actualidade co-lidero o proxecto “Educación e conciliación para a equidade: análise da súa incidencia nos tempos escolares e sociais da infancia”, financiado en convocatoria competitiva polo Ministerio de Ciencia, Innovación e Universidades e os Fondos FEDER (Proxecto: RTI2018-094764-B-100).
Ao longo da miña carreira profesional fun centrando a investigación e as publicacións nas seguintes temáticas: Educación Social; políticas socioeducativas e culturais no desenvolvemento comunitario local; cidades educadoras; tempos educativos, tempos sociais e pedagoxía do lecer.
Tamén destaca o meu compromiso continuado coa xestión universitaria, asumindo responsabilidades en diferentes ámbitos: secretaría do Departamento de Teoría da Educación, Historia da Educación e Pedagoxía Social (1997-2002, 2013-2015); secretaría da Facultade de Ciencias da Educación (2002-2010); Coordinadora de diferentes Programas de Doutoramento (1998-2001); Secretaria da Comisión Académica do Programa de Doutoramento en Educación (2013- 2018) e Vogal desde 2018 ata a actualidade; Coordinadora do Grao en Educación Social (2011-2013); representante no claustro universitario polo sector de PDI (2014-2018).

Bruno Trindade

Técnico Superior Animação Sociocultural

 

Bruno Trindade

Técnico Superior Animação Sociocultural

Bruno Miguel Martins Calheiros Trindade é Doutorado em Ciências Sociais e Educativas no âmbito do programa Formación en la Sociedad del Conocimiento –“A Importância da Animação Sociocultural em Contexto Educativo” – Universidade de Salamanca; Mestrado em Animação Artística – IPCB, Escola Superior Educação, Tese de Mestrado: estudo de caso – “Animação em contexto escolar no 1º Ciclo”; Licenciatura em Animação Cultural | Sociocultural – IPCB, Escola Superior de Educação; Pós Graduação em Animação Artística – IPCB, Escola Superior Educação; Pós Graduação em Gerontologia Social – IPCB, Escola Superior Educação; Certificado de Aptidão Profissional – CAP Instituto de Emprego e Formação Profissional. 


Experiência Profissional: Professor Assistente Convidado no IPCB. Escola Superior Educação; Técnico Superior Animação Sociocultural na área da 3ª Idade; Técnico Superior Animação Sociocultural na Câmara Municipal de Castelo Branco; Técnico Superior Animação Sociocultural no Agrupamento de Escolas Nuno Álvares; Técnico Superior de Mediação Sociocultural no Agrupamento de Escolas Nuno Álvares; Publicações: várias publicações livros e revistas, orador em vários Congressos, Jornadas, Conferências e Seminários sobre Animação Sociocultural.
 

Diana de Vallescar

Interpontos: coaching, formação, mediação intercultural

 

Diana de Vallescar

Interpontos: coaching, formação, mediação intercultural

Diana de Vallescar é Coach, Formadora independente.
Doutora em Pensamento Intercultural (2000, Universidade Complutense Madrid-Missio, Alemanha); Pós-Doutoramento em Tecnologia Educacional (2015, Universidade Aberta, Portugal); Coaching, certificado pela ICC-Espanha (2017).
Mais de 20 anos dedicada à formação, assessoria e mediação intercultural a nível nacional e internacional através de cursos, conferências, workshops, publicações, etc., integrando as TIC e o coaching. Professora do Ensino Superior, autora de 6 livros e mais de 70 artigos especializados. 
Com experiência internacional de trabalho, em diferentes contextos e variados projetos, de vários países: Espanha, México, Portugal, Alemanha, Itália, França. Israel, Argentina, Holanda, Turquia, Nicarágua, Costa Rica, Finlândia, Coreia do Sul, Índia, Angola, Costa Rica, Filipinas.

Joana Viana

Universidade de Lisboa

 

Joana Viana

Universidade de Lisboa

Joana Viana é Professora Auxiliar Convidada no Instituto de Educação da Universidade de Lisboa (IE-ULisboa). Investigadora colaboradora da UIDEF (IE-ULisboa) e investigadora associada do Núcleo de Leiria do CICS.NOVA. Doutorada em Educação na área de Teoria e Desenvolvimento Curricular pela Universidade de Lisboa, e licenciada e mestre em Ciências da Educação pela mesma Universidade. 
Tem exercido funções docentes e de investigação nas áreas de currículo e desenvolvimento curricular, formação de professores e tecnologias educativas. Destaca-se o estudo sobre os modos de utilização de tecnologias digitais e a sua integração curricular em processos de ensino e de aprendizagem, em contextos formais e não formais, presenciais e a distância, bem como o trabalho desenvolvido no âmbito da pedagogia do ensino superior.

João Amado

Universidade de Coimbra e mentor e coordenador da Escola do Brinquedo Tradicional Popular, Loureiro/ Cernache/Coimbra

 

João Amado

Universidade de Coimbra e mentor e coordenador da Escola do Brinquedo Tradicional Popular, Loureiro/ Cernache/Coimbra

João Amado é Professor Associado com Agregação, Aposentado, da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra. Foi também professor de Filosofia no Ensino Secundário, Assistente e Professor Associado da Universidade de Lisboa. Doutorado, com Agregação, em Ciências da Educação, regeu diversas disciplinas, coordenou e participou em vários projetos de investigação nacionais e internacionais e foi autor e co-autor de livros, capítulos de livros, artigos e comunicações sobre temáticas como a indisciplina e violência na escola, bullying e cyberbullying, epistemologia das ciências da educação, metodologia de investigação qualitativa, pedagogia do ensino superior, etnografia e história da infância. Em 2016 recebeu o Outstanding Qualitative Book Award Spanish or Portuguese Language Book, atribuído ao Manual de Investigação Qualitativa em Educação (Imprensa da Universidade de Coimbra, 2013, 2014, 2017), de que é coordenador e coautor, atribuído pelo International Congress of Qualitative Inquire. Desde 1980 que, às diversas áreas de investigação mencionadas, tem mantido atenção e interesse pelo património lúdico tradicional da infância, tendo publicado diversos trabalhos (livros, capítulos, artigos) sobre jogos e brinquedos tradicionais populares, de que se destacam os livros: Universo dos Brinquedos Populares (2002; 2007) e Brinquedos Tradicionais Populares: Património e Memórias da Infância (2020). Atualmente é mentor e coordenador da Escola do Brinquedo Tradicional Popular, uma experiência comunitária realizada em colaboração com a Associação Desportiva e Recreativa do Loureiro (aldeia da freguesia de Cernache/Coimbra) com o objetivo de preservar, musealizar e divulgar uma coleção composta por materiais e documentos referentes àquele tipo de brinquedos cuja particularidade é terem sido realizados pelas próprias crianças na linha de uma tradição simultaneamente universal e milenar.

Rui Matos

Politécnico de Leiria e CIEQV

 

Rui Matos

Politécnico de Leiria e CIEQV

Rui Matos é Professor Coordenador na Escola Superior de Educação e Ciências Sociais do Instituto Politécnico de Leiria (onde leciona desde 13 de novembro de 1989 - 4 dias após a queda do Muro de Berlim), da qual foi diretor entre 2013 e 2017;
Doutorado em Motricidade Humana (2008) pela Faculdade de Motricidade Humana, da Universidade Técnica de Lisboa; Mestre em Desenvolvimento Motor da Criança (1997), pela mesma Faculdade; Licenciado em Educação Física (1989), pelo Instituto Superior de Educação Física de Lisboa, atual Faculdade de Motricidade Humana;
Autor de diversos livros e artigos técnico-científicos na área do Desporto;
Atual subcoordenador do Centro de Investigação em Qualidade de Vida (CIEQV);
Revisor e elemento do corpo redatorial em diversas revistas internacionais;
Escritor premiado em diversos concursos literários, é autor de mais de uma dezena de livros, a maioria para um público infantojuvenil;
Criador da modalidade desportiva Tripela, em 2008;
Ex-treinador de futebol e de andebol;
Tem como principal objeto de estudo o comportamento motor, nas componentes controlo, aprendizagem e, sobretudo, desenvolvimento.

PROGRAMA

Ações de formação reconhecidas na modalidade de curta duração para educadores de infância e Professores do ensino básico e secundário.

Submissão de resumos

encerrado

Resultado da avaliação de resumos

até 20 de setembro 2020

Inscrição (Tarifa Reduzida)

até 1 de outubro 2020

Submissão de texto final

até 1 de novembro 2020

Resultado da avaliação

até 15 de novembro 2020

Entrega de versão final

até 6 de dezembro 2020

logos organização miis

powered by eventQualia